Como transportar seu cão com segurança


Não existe a menor dúvida de que uma viagem em família inclui também os nossos filhos pets, não é mesmo? Só que essa decisão envolve muitas outras, como, por exemplo: como transportar o pequeno de forma segura dentro do carro. A grande questão é que tê-lo sempre por perto é ótimo, mas não podemos andar com os pets soltos, é necessário respeitar as legislações de transporte e pensar no bem-estar do animal.


Assim como os humanos, os cachorrinhos devem andar de forma correta dentro do carro, ou seja, sentados no banco de trás e com o cinto de segurança pet. O não cumprimento dessas normas podem trazer riscos para todos que estão dentro do carro. A conta é simples, caso o motorista freie de forma brusca por qualquer motivo, todos serão lançados para frente, inclusive o pet. Além disso, a movimentação do bichinho pode obstruir a visão do motorista e causar acidentes. Ou até mesmo em um acidente, ao abrir a porta, o bichinho, assustado, pode fugir.


Confira quais as formas de transportar o seu animal dentro do carro com segurança:


1 – Cinto de segurança

O cinto de segurança é a mais comum entre as medidas adotadas. Isso porque ele pode ser usado por animais de todos os portes. Muito semelhante ao usado pelos humanos. Uma extremidade deve ser presa através de um gancho ao peitoral do animal e a outra é fixada no lugar que prende o cinto normalmente.


Este acessório próprio para cachorro possui material e comprimento adequado para que o pet não se machuque ou se mova durante o trajeto. Em caso de batida, ele não correrá o risco de ser enforcado ou machucado.


2 – Cadeirinha

A cadeirinha promove uma maior liberdade e movimento com segurança, aos animais mais inquietos. É recomendada para animais de até 10kg e permite que os cãezinhos acompanhem a movimentação das janelas e fiquem de olho nos tutores no banco da frente, passando uma maior confiança para os medrosos.


Ela deve ser presa ao banco traseiro do carro e o seu bichinho deverá estar preso à guia que tem dentro dessa cadeirinha.


3- Caixa de transporte

A caixinha de transporte é uma forma extremamente segura de transportar o animal. Ela é indicada para animais de pequeno porte, principalmente os mais quietinhos que costumam dormir durante o passeio de carro.


Na hora de comprar, opte por um tamanho que permita que o bichinho se deite dentro dela, assim ele ficará mais confortável. Não se esqueça de prender a alça da caixa ao cinto de segurança do banco traseiro.


4- Grade divisória

A grade geralmente é uma opção para carros maiores que transportam animais maiores, ou até mesmos os cãezinhos mais agitados.


Ela é colocada separando o banco traseiro dos dianteiros, dessa forma, o animal não conseguirá chegar até você ou andar pelo carro em movimento. O cinto de segurança ainda é necessário.


No caso dos pets com deficiência, a atenção deve ser redobrada. Outra alternativa nesses casos, é o uso de capas impermeáveis que auxiliam na segurança, fazendo com que os animais não passem para o banco da frente, não sujem o estofado do carro, nem fiquem escorregando de um lado para o outro e não caia ente o banco da frente e o de trás.


Além de todas as ferramentas citadas anteriormente, você também pode optar por carrinhos de transporte para passeio na rua e as cadeirinhas de rodas.


Vale lembrar que o transporte de animais soltos ou no colo é proibido e passível de multa segundo o Código de Trânsito Brasileiro, no artigo 252.


15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
410199-PD8Q59-641.png