Dia Nacional da Vacinação: um alerta para a importância dos imunizantes


Assim como para os humanos, a vacinação ainda é a forma mais segura e eficaz de evitar a gravidade de milhares de doenças infecciosas. Dedicado a ressaltar a importância dessa proteção, o dia 17 de outubro carrega consigo o título de Dia Nacional da Vacinação, um alerta para os tutores consultarem as suas carteirinhas e as de seus pets e buscar a atualização.


No caso dos pets, a responsabilidade das vacinas dobra de tamanho, uma vez que existem dezenas de doenças que podem passar dos animais para os humanos. Vacinar animais domésticos é um ato médico muito importante e uma responsabilidade de saúde pública.


Existem centenas de vacinas que são divididas entre obrigatórias e opcionais. Quando pequenos, assim que nascem, os filhotes devem receber as primeiras doses das vacinas obrigatórias e, a partir de então, tomar o reforço anualmente. Entre este período, é importante manter uma rotina de consultas periódicas ao veterinário para que, avaliando caso a caso, ele indique se é necessário tomar mais algum imunizante. Essa definição será feita de acordo com o estilo de vida do seu melhor amigo, planos de viagens e região onde mora.


Entre os imunizantes obrigatórios e de aplicação anual então as chamadas V8 e V10. Essas vacinas protegem o cão contra várias doenças, entretanto a V8 protege contra a Leptospira Canicola e a Leptospira Icterohaemorrhagiae, já a V10 protege contra os mesmos tipos da V8, mais os antígenos para Leptospira Grippotyphosa e Leptospira Pomona.


A vacinação correta, respeitando o calendário anual, além de ser algo exigido pela lei do nosso país, também proporciona uma vida mais longa e saudável para o animal, garantindo proteção contra patologias provocadas por vírus, bactérias, entre outros microrganismos.


Todas essas vacinas estão disponíveis nos centros populares de medicina veterinária e em campanhas realizadas anualmente pela prefeitura de cidades por todo o país. Estarem imunizados é critério básico para que os pets possam conviver com seus tutores e com outros animais, visitar parques, creches, hoteizinhos e demais ambientes públicos de forma segura e responsável.

3 visualizações

Posts recentes

Ver tudo