Entenda a importância do uso das coleiras


“Adotei um novo melhor amigo, o que faço agora?” Bom, o primeiro passo é comprar uma coleira adequada para o seu pet! Por mais obediente e educado que ele seja, é sempre importante lembrar que o uso da coleira no passeio é INDISPENSÁVEL. Muito além da questão estética, a coleira, junto com a guia, serve para garantir a segurança do seu animal, das pessoas e pets que também caminham na rua.


Diferente do ambiente interno de casa, os passeios oferecem inúmeras distrações ao animal, e eles podem acabar não escutando o seu comando, ocasionando atropelamentos, brigas com outros animais ou até mesmo fuga. A perda ou machucado grave de animais sem coleira em ruas e avenidas é muito mais comum do que se imagina.


Deixar que o animal use o modelo correto de coleira coloca o controle do pet nas mãos do tutor. Mesmo em uma situação inesperada, onde o animal possa se assustar ou atacar outro, com ela é possível segurá-lo e acalmá-lo, sem que haja algum dano. Além disso, são poderosas aliadas na hora de adestrar o seu pet.


Há diversos tipos de coleiras disponíveis no mercado. Muito além do tamanho, elas também agem de acordo com as atitudes e temperamentos dos pets. Então como escolher o modelo adequado para o seu melhor amigo?

  • Modelo enforcador: é pouco convencional e deve ser usado apenas se recomendado por um profissional. Muitas vezes ele auxilia no adestramento de cães agressivos, porém deve ser usado com muita cautela. O enforcador pode causar estresse e machucar os cães;

  • Modelo tradicional: mais confortável e recomendado em quase todos os casos. Indicado para animais dóceis, cachorros sem problemas respiratórios ou que não costumam puxar demais a guia quando passeiam;

  • Modelo com deslize: possui o diferencial de se ajustar ao tamanho do pescoço do seu animal. Independentemente do tamanho ele se adapta sem enforcar ou machucar;

  • Modelo peitoral: é o ideal para animais que puxam bastante na hora do passeio ou são agitados. Ele permite um maior controle sobre o animal e o protege de lesões no pescoço e escapes.


Ao escolher o melhor modelo para o seu pet, converse com o veterinário e pegue algumas dicas. Os tipos de guias também são inúmeros e cada animalzinho e seu tutor se adaptam de uma forma diferente.

3 visualizações

Posts recentes

Ver tudo